All posts tagged: all black

I’d like to…

“ENGRAÇADO É QUE, NO FINAL DO DIA, AINDA GOSTO DE PESSOAS!” Por vezes parece que tudo na vida nos atrasa! Que nada corre da forma que deveria! No último ano tenho vivido isso de uma forma abismal. A minha vida deu uma volta gigante e parece estar num looping sem fim. Como se a cada 10 passos que ando para a frente voltasse 5 para trás. Não sei porque tenho atraído para mim esta sucessão de coisa que não eram supostas acontecerem, mas de uma coisa eu estou bem ciente, se tenho estômago para tudo isto, então eu sou bem mais forte do que imaginava. Porque cada vez que eu caio ou que sou atingida fico com mais garra e com vontade de fazer melhor. Acho que isso me distingue, a vontade que tenho de seguir em frente. A vontade que tenho de vingar neste mundo e de ser feliz. Tenho apreendido, dia após dia, a ser feliz. Mesmo numa realidade que não quero para mim… a ser feliz! Infelizmente há quem não viva bem …

Red Roses Upon

“DE UM TEMPO EM QUE DANÇAR NA RUA AO SOM DE UMA MÚSICA IMAGINÁRIA NÃO ME FAZIA PARECER RETARDADA.” Ás vezes sinto que tenho uma capacidade gigante de desligar daquilo que realmente importa. Não percebo como é que num instante tenho o peso do mundo nos meus ombros e noutro tenho uma serenidade plena, quase uma apatia. Sinto que deixo passar tanto do que interessa ao lado. E assim, tem-me passado ao lado o real sentido de viver, que é sentir! Fico tão envolvida entre amigos, família e trabalho. Tão cheia de vontade de ser alguém na vida que me perco algures no caminho. Precisava de uma âncora que me fizesse parar, que me obrigasse. Precisava de dias de silêncio. De dias com mais risos de doer a barriga. De horas infinitas de conversas sem fim.

FROM DAY TO NIGHT

Starry Sky Queria tanto ver a lua… queria tanto ver as estrelas. Contemplar toda aquela mágica envolvente. Deixar absorver-me por toda a energia que a imensidão do céu emana. Queria poder tocar-lhe… Poder sentir… Poder dizer adeus e partir! Para algures, para nenhures. Partir sem rumo, sem destino. A caminho da imensidão, rumo ao infinito. Só para ver se em algum lugar do mundo encontrava o pedacinho de ti que